Viva a América, o país que salvou o futebol

USA-soccer-ball

O assunto no planeta desde ontem é a prisão dos executivos da FIFA. Entre eles está nosso brasileiríssimo José Marin Marin, um dirigente que nunca vi ser elogiado quem quer que seja.

Aliás, se há uma unanimidade no Brasil é o ódio aos cartolas e especialmente aos cartolas da CBF. Criei meu blog pensando nelsonrodrigueanamente em ser contra qualquer unanimidade, mas nesse caso não consegui.

É curioso, num planeta alucinado por futebol, onde se movimentam valores descomunais de dinheiro e todos sabiam das tramoias e safadezas da FIFA, nunca houve uma ação de verdade contra a entidade.

Foi necessário que os americanos, os tais xerifes do mundo, chegassem para colocar ordem na casa.

Nesse ponto, a ganância dos dirigentes da FIFA os traiu. Nos EUA tem tanto dinheiro que levar o futebol aos americanos engordaria em muito o montante que circula no esporte. Só que nos EUA também tem um tal de FBI e certas práticas lá não são bem vistas.

Como diria Caetano, “para os americanos branco é branco, preto é preto”. No verso da música ele falava em racismo, mas podemos usar essa lógica maniqueísta para entender como pensam os sobrinhos do Tio Sam. Lá, certo é certo, errado é errado e bandido é bandido. Todos devem pagar pelos crimes, sejam pequenos batedores de carteira, sejam dirigentes da FIFA que fazem contratos fraudulentos com fornecedores.

Aqui somos o país do “veja bem”, “não é bem assim”, “tadinho dele” e os mesmo executivos podem nos pilhar à vontade. Afinal, não iríamos atrapalhar a Copa das Copas.

As vezes me pego questionando os xerifes do mundo e suas arbitrariedades, mas é bom saber que temos um irmão mais velho, grande e mau humorado capaz de nos proteger dos bad guys de vez em quando.

Afinal, é neste irmão que pensamos quando vemos o ISIS destruir pessoas e tesouros históricos e alguém pergunta – Ninguém vai fazer nada?

Os americanos ainda tem a cintura dura e não aprenderam prazer misterioso de um drible da vaca (como se fala drible da vaca em inglês?). Mesmo assim, ontem, fizeram pelo futebol mais do que poderíamos sonhar. Golaço do nosso irmão mais velho que se continuar assim vai virar também o dono da bola.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s