Assunto da semana: O Julgamento de Lula.

Já aviso que nada entendo de direito e não tenho a mais puta ideia de quem era o dono do triplex.

Por outro lado, eu entendo tudo de Game of Thrones, a série. Lembro (spoiler alert) do episódio do Julgamento de Tyrion, o anão tarado. Quando o juiz pergunta se ele era culpado por determinado crime, o anão (que era inocente) responde:

_ “Eu me confesso culpado! Culpado por ser um anão! Sou culpado por ser uma criatura horrorosa que sempre trouxe vergonha a minha família!”

Foi o desabafo de uma vida.

Agora voltemos ao petista.

Eu não tenho ideia de quem seja o dono do triplex, mas tenho certeza de que para boa parte da população, Lula sempre foi culpado, muito antes da obra no Guarujá começar. Não por determinada acusação de corrupção. Como Tyrion, sua culpa é ser quem é.

Aposto que alguns leitores aqui sentirão vontade de gritar “mas ele é ladrão!”.

Pode ser, porém não é o  comportamento (honesto ou não) de Lula que atrai os olhos para este julgamento. Não é a desonestidade de Lula que faz com que paneleiros e bolsozumbis mandem fazer faixas e saiam às ruas.

Vejam bem, Maluf foi condenado por lavar 1 bilhão de reais. É dinheiro para 555 triplexes (existe plural de triplex?). Ainda assim não houve desfiles em comemoração ou balões com Maluf presidiário. Serra foi acusado numa delação recente de ter levado 28 triplexes e isso não comoveu ninguém.

Porém Lula, com alguns imóveis sob suspeita é considerado o grande bandido da história.

Hoje mesmo ouvi o radialista Marco Antonio Villa da Joven Pan dizer que Lula é o maior bandido da história da humanidade. Isso vindo de um homem que se diz historiador.

Villa um dia desses revelou que Lula tem uma patrimônio maior do que o visível. Além dos apartamentos e do sítio em Atibaia ele teria (na palavras de Villa), um posto de gasolina em São Bernardo. Prova definitiva de que é o maior criminoso de todos os tempos.

Curiosamente, a rádio Jovem Pan parece existir exclusivamente para tocar música ruim e atacar o Lula. O mesmo acontece com a Veja que persegue o barbudo em 12 de cada 10 capas.

Eu não sei o que provoca o ódio ao petista, mas evidentemente não é a corrupção, se fosse, haveria outros políticos que provocariam repugnação maior. E isso não há.

Um apressadinho dirá que o PT destrui o Brasil e trouxe 14 milhões de desempregos. A ele eu reponderei que o ódio a Lula era idêntico quando tudo ia bem e o Brasil crescia e o emprego bombava.

A resposta pode estar no editorial de hoje do Marco Antonio Villa. Ele disse que espera ver Lula preso para as coisas no Brasil serem como eram antigamente. Entendo o que ele quis dizer. Antigamente não tinha pobre em cargo importante. Antigamente os donos do poder eram pessoas nascidas das famílias certas.

Se eu fosse o Lula, pediria a palavra no dia do julgamento. Imitaria Tyrion.

_ Quero dizer que sou culpado!  Culpado por nunca ter pertencido aos grupos aceitos para mandar, para dominar. Culpado por não ser um dos 5 brasileiros que detem 50% da renda do país! Culpado por ser nordestino. Por ter sido operário. Culpado como a maioria  dos brasileiros, a quem se culpa pela pobreza, pela falta de mérito. Culpado por ser um anão!

Anúncios

21 comentários sobre “Lula, culpado por ser um anão

  1. Eu tenho dúvidas como disse no Facebook.
    Que há culpa na corrupção, há.
    E, pq outros devido o tal fórum privilegiado não foram ainda a julgamento, não significa q possa sair impune.
    Não poderia ser julgado por uma corte exterior, como Haia?
    Não é demais ter dito q não há ninguém mais honesto?
    Até lembra o Cavaco Silva de Portugal. ” Nunca erro. Raramente me engano’, alho assim.
    Eu prefiro para já não culpar nem defender. Apenas questiono.
    Só acho q como as coisas foram levadas, o clima q se está, o julgamento deveria ser feito por tribunal fora fo país.

  2. “..A ele eu reponderei que o ódio a Lula era idêntico quando tudo ia bem e o Brasil crescia e o emprego bombava..”

    Mentira, quando as coisas estavam supostamente bem no Brasil, Lula detinha uma aprovação de 83% da população, hoje tem rejeição de 70%. Então, não foi sempre assim.

    Supostamente eu digo porque Lula nunca fez nada para ajudar o Brasil a crescer, teve sorte de estar sentado na cadeira com uma conjuntura mundial de alta de comodities que beneficiou o bloco dos países em desenvolvimento, principalmente o Brasil que vendia ferro e cimento a rodo para China.

    Prova disso, é que qdo Lula assumiu o governo o Brasil estava em 65o no ranking IDH, quando saiu 85o. Perdemos 20 posições no Governo Lula, pois enquanto crescíamos muito abaixo da capacidade outros países aproveitaram a oportunidade e desbancavam a gente.

    Você cita Maluf e Serra, o caso de ambos é por recebimento de caixa 2 em campanha, ou seja, não é dinheiro para o bolso. Mais justo seria comparar esses valores com os caixas 2 das campanhas do PT. Já o Apto e o sítio são bens pessoais e luxuosos, já que Lula dispunha de recursos para ter uma vida bem confortável.

    O PT trabalhou por 3 mandatos e meio com foco único e exclusivo em reeleição, e hoje amargamos uma gravíssima crise, quando poderíamos estar no foco do Mundo, como noticiou a capa do The Economist na pré-Copa e pré-Olimpiada. Lula deixou de ser do Povo a muito tempo, deixou de ser nordestino a muito tempo. Lula é, além de corrupto, um bon vivan, um lobista de empreiteira e um demagogo que traiu seu povo em troca de poder.

    É por isso que não é só a burguesia que odeia Lula, os Pobres também, e esses com mais afinco.

    1. Oi Paulo, obrigado pela visita. O caso do Maluf não tem a ver com caixa 2 de campanha. Foi desvio na obra da Avenida Águas Espraiadas. Você aqui acaba demonstrando a minha tese ao atenuar os crimes de Serra e Maluf e agravar os do Lula. Apareça sempre. Acredito que outros textos podem te interessar.

      1. verdade sobre o Maluf… Mas isso não demonstra sua tese do ódio ao PTista. Como disse, quando as coisas iam supostamente bem, ele não era odiado.

        Além disso, ignorou um texto que escrevi de 7 parágrafos para enaltecer sua tese sobre 1 linha.

        O momento que nos encontramos é extremamente delicado, as consequências dos anos de PT são gravíssimas. Simplificar o ódio das pessoas contra Lula carimbando a testa delas como Classistas e Xenófobos é complicado para 14 milhões de desempregados que querem botar comida na mesa da família. Eu não acho bacana desdenhar do sentimento de quem vê em Lula como o que há de pior na política e o mal que ele fez à sociedade, tratando essa pessoa como preconceituosa. A verdade é que na equação causa e consequência, que é o que mais importa, o que o PT fez com o Brasil é digno das palavras do Marco Antônio Villa.

        Desculpe, mas sua tese não se sustenta em casos práticos, é a mentira repetida 100 vezes que vira verdade. Que o Brasileiro não quer pobre viajando de avião, comprando carro, etc. Óbvio que há de fato racistas, xenófobos e classistas. Você pode pinçar exemplos, pois eles de fato existem. Mas o sentimento do ódio ao PT, incluindo Lula, da massa de brasileiros não passa nem perto disso.

        E quem vos fala é um ex-eleitor do partido.

      2. Discordo de ti, mas não vale a pena debater. Cada um pode ter a sua visão e todos ficamos bem com isso.
        Mesmo a crise, parte dela foi gerada por erros da Dilma, mas há outros fatores. A conta não é tão simples. Enfim, espero que tenha gostado do blog. O que mais gostamos aqui são opiniões diferentes que podem enriquecer o debate.

  3. Acho que visões diferentes são muito válidas, por isso leio textos mesmo quando não concordo com eles, e por vezes debato, como hoje.

    A analogia do texto é boa… Gostei.

    Mas faltou citar que na gestão do Inácio, estava na moda comprar sapatos, e embora você tenha lucrado, todos seus concorrentes lucraram mais que você. E se prepararam melhor para o futuro e para épocas de vacas mais magras.

    Faltou também citar que na gestão da Vilma, embora ela não tivesse colocado um tostão no bolso, sabia que os outros roubavam mas fazia vista grossa em nome da administração da loja. E também que, se ela não roubava, pegava dinheiro emprestado sem autorização do dono, mesmo sabendo que não teria como pagar.

    Eu mandaria Vilma embora.

  4. Enqto vivi no Brasil nunca votei no PT. Depois de vir p Europa passei 17 anos sem votar. Regularizei a situação e vou votar. Provavelmente, não irei votar no PT, a não ser q em segundo turno haja perigo da extrema direita ou extrema asneira subir.
    Durante o governo de Lula, a economia mundial esteve num bom momento. O PIB brasileiro esteve sempre a subir e bem.
    Eu estive no Brasil, em visita, durante o governo de Lula. É preciso reconhecer q houve mudanças sociais q para mim ou p vc pode nada significar. Nunca me faltou nada da vida, é difícil exercitar não ter o q comer.
    Durante o Governo não houve aumento do gás. Para muitas famílias isso foi uma grande ajuda.
    Eu vi desaparecer favelas à beira do mangue. Sim, falo do Nordeste. Eu vi famílias a chorarem por ter luz em suas casas no sertão do NE.
    O bolsa família q nasceu no governo FHC, ampliou durante o governo dele e tirou famílias da miséria. Claro, houve erros de condução na política do bolsa família. Isso já é outra conversa.
    Desculpe se incomodo, mas é a minha maneira de ser, reconhecer o positivo até em quem não gosto.
    É sempre bom ter um espaço para dialogar, apresentar ideias… Há tão pouco, sem que seja agredido.

  5. O PERIGO NÃO É A CONDENAÇÃO DO LULA MAS O RENASCIMENTO DO PT QUE VIRÁ COM MAIOR FORÇA QUERENDO VIRAR O BRASIL UMA VENEZUELA SE GANHAR A ELEIÇÃO COM
    LULA OU SEU POSTE

  6. Se só for possível 2 opções, melhor ter um ladrão que faz do que um louco que nada fez na vida.

    Sobre o medo de se transformar numa Venezuela, nem comento. Para isso teria que ter conhecimento da história da Venezuela. Lembrar q é um país com um tesouro que tds querem, o petróleo.

    Pq outros países da América do Sul com orientação política idêntica não se transformou numa Venezuela ?

  7. Muito bem elaborada a sua colocação! Concordo plenamente com o seu excelente artigo. O que acontece neste país é nada mais e nada menos do que as grandes forças empresariais e seus aliados manterem o monopólio de poder capitalista que impera sobre os menos favorecidos da nação. É preciso haver “escravos” para que os “senhores feudais” possam manter o seu patrimônio e seu status. A presença de Lula seria para estes, uma grande ameaça, ou seja! seria uma forma de favorecer a classe proletária em detrimento dos poderosos. Lula conquistou o povo pobre, embora nem todos reconheceram o que significou a presença dele no poder. Ademais, as forças da mídia que representam não apenas a si própria, mas também trabalham pelos interesses dos grandes empresários, conseguem manipular e convencer grande parte do povo, inclusive contrariar as próprias opiniões. Infelizmente a elite é dona desse país.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s